8 de dezembro de 2011

DAR TESTEMUNHO DA LUZ - 3º domingo do Advento

Estamos no terceiro domingo do Advento. Ele é conhecido como o Domingo da Alegria, pois o Natal se aproxima e Cristo está mais perto. Está chegando o Salvador esperado por todos em todos os tempos. 

Somos convidados a nos alegrar apesar das asperezas da vida, pois temos um Deus que nos ama e nos sustenta em todos os momentos, apesar da nossa infidelidade e dos nossos pecados.

Assim como João Batista, personagem importante neste domingo e no tempo do Advento, nós somos chamados a dar testemunho da Luz, que é o próprio Jesus Cristo. Diz o Evangelista João: “Ele veio como testemunha para dar testemunho da luz” (1,7).

O Evangelho pregado por Jesus Cristo chegou até nós porque muitos se dedicaram a essa missão. Eles foram Luz num mundo que anda nas trevas.

Hoje, todos nós cristãos batizados, somos convidados a ser Luz. Não uma luz que se auto-sustenta, mas uma Luz que aponta para a Luz verdadeira que é Jesus Cristo, porque todos nós recebemos no nosso batismo a Luz de Cristo que ilumina nossa vida.

Todas as nossas ações deveriam ser iluminadas pela Luz de Deus a partir do Evangelho, pois este é o caminho que leva à Santidade. É o caminho do verdadeiro amor.

Muitas pessoas andam nas trevas do pecado, da depressão, da ganância, do ódio, da inveja, do ciúme e precisam ser iluminadas. Essas ações são transformadas quando iluminadas pela graça de Deus.

Somos consagrados pelo Senhor no dia do nosso batismo. Sendo assim, nossa missão é nobre. Vale aqui as palavras do profeta Isaías que fala hoje a nosso respeito: “O espírito do Senhor Deus está sobre mim, porque o Senhor me ungiu; enviou-me para dar a boa-nova aos humildes; curar as feridas da alma, pregar a redenção para os cativos e a liberdade para os que estão presos; para proclamar o tempo da graça do Senhor”. (61,1-2).

Terminamos com o apelo de São Paulo: “Irmãos, estai sempre alegres! Rezai sem cessar. (...) Não apagueis o espírito. (...) Afastai-vos de toda espécie de maldade! Que o próprio Deus da Paz vos santifique totalmente e que tudo aquilo que sois – espírito, alma, corpo – seja conservado sem mancha alguma para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo”. (1Ts 5,16.19.22-23).

Conseguiremos nos manter íntegros se deixarmos a Luz de Deus brilhar em nós e através de nós. Brilhar em nós para que nossas ações sejam transformadas. Brilhar através de nós para que outros, vendo nossas ações, louvem a Deus e se decidam por Ele.

Que a alegria seja uma realidade em nossas vidas, mesmo diante do sofrimento.

Que o próprio Deus da paz habite em nossos corações.

Deus abençoe a todos.

Pe. Hermes José Novakoski, PSDP


LEITURAS PARA O 3º DOMINGO DO ADVENTO
I LEITURA: Isaías 61,1-2.10-11
Salmo Lc 1
II Leitura: Tessalonicenses 5,16-24
Evangelho: João 1,6-8.19-28