6 de maio de 2012

Como é bom ter MÃE! (Pelo dia das mães)

Mãe! Como é bom ter você, poder deitar no seu colo, receber seu abraço, seu beijo, seu carinho, seu afeto, seu sorriso, seu conselho. 



Mãe! Como é lindo ter você comigo, assim a gente experimenta um pouquinho do céu aqui na terra pois você revela a ternura de Deus à cada um de nós. 

Mãe! Como é bom poder ser chamado de filho! Saber que você deu um tanto da sua vida para que eu existisse sendo hoje o que sou. Sem a tua boa vontade, amor, entrega, ternura eu não seria nada, apenas em sonho na eternidade. 

Mãe! Como é bom poder te abraçar sentindo o seu coração pulsar junto com o meu. Nossos corações, Mãe pulsaram juntos enquanto eu estava no seu ventre. Hoje ele pulsa o seu sopro de vida, o seu pulsar. 

Mãe! Como é bom poder ter você. Ver o seu sorriso, ainda que cansado ou enrugado é o melhor prêmio que pude receber até hoje. No teu sorriso há a expressão mais sábia, a alegria mais verdadeira, o amor mais caridoso, o afeto mais gostoso de se sentir. 

Mãe! Sou teu filho. Fruto do teu imenso e infinito amor. Fruto do teu suor, do teu cansaço, das noites mal dormidas. Me orgulho em dizer que sou seu filho e a tua coragem e fé me dão forças de viver e continuar meu caminho. 

Mãe! Eu sou rico, muito rico porque tenho você a pérola mais brilhante, a rosa mais perfumada, o jardim mais florido, a sabedoria mais elevada, o abraço mais aconchegador, o olhar mais acolhedor, o perdão mais sincero, a gratidão mais emocionante, o suor mais gratificante. 

Mãe! Sou teu filho e isso me basta! 

Agradeço a Papai do céu por ter me dado este anjo que cuida tão bem de mim, chamado MÃE! 


Abraços! 
Parabéns pelo seu dia, Mãe! 
Que você seja muito feliz todos os dias! 

Hermes José Novakoski